Coragem: A capacidade de assumir riscos, a fim de se beneficiar (a longo prazo).
compreende o poder de correr um risco
distingue entre a coragem e bravatas
assume riscos responsáveis
escolhe uma abordagem que não está muito de acordo com o procedimento padrão quando está diante de um problema
procura, quando necessário, soluções não convencionais
assume riscos pessoais regularmente e não tem medo de expressar opiniões ousadas
está disposto a tentar uma abordagem que não foi usada antes
expressa pontos de vista incomuns e originais
prefere um plano promissor, com riscos desconhecidos, do que um plano medíocre, que ofereça toda a certeza
oferece aos seus clientes produtos ou serviços que não foram oferecidos antes
se compromete completamente a novas atividades que sejam inovadoras e viáveis
manifesta críticas construtivas no interesse da organização
assume a responsabilidade por ações cuja as consequências são incertas
atreve-se a investir em parcerias que envolvam risco, mas possam beneficiar a organização
toma decisões que podem mudar toda a aparência da organização
calcula e espalha os riscos associados a novas atividades
investe em novas experiências sem ter certeza do resultado
é guiado pela sua intuição
A coragem pode ser facilmente desenvolvida se o candidato tiver uma pontuação média maior (7,8,9) nas categorias 'Pensamento e atuação independente' e 'Autoestima' e uma pontuação menor do que a média (1,2,3) na categoria 'Conformidade'.
Poderia dar um exemplo de uma decisão “arriscada” que acabou de forma positiva?
Poderia dar um exemplo de uma decisão “arriscada” que acabou de forma negativa?
Você gosta de se arriscar? Poderia dar um exemplo em que esse risco acabou de forma positiva?
Qual foi o maior risco que você já correu na sua vida? O que aconteceu depois?
Preste atenção em alguém que é mais corajoso do que você, observe seu comportamento e suas consequências, e os riscos que ele corre.
Surja com propostas mais frequentemente, mesmo se você não conseguir ver as consequências. Basta tentar e ver quais são exatamente essas consequências.
Diga 'não' com mais frequência.
Experimente dizer mais vezes frases como: 'eu penso que', 'na minha opinião '.
Tente pensar fora da caixa.
Investigue junto do seu candidato o que está impedindo-o de mostrar coragem em determinadas situações.
Incentive o seu candidato a fazer um acordo com seu superior sobre a maneira em que ele poderia demostrar mais coragem no trabalho.
Investigue com o seu candidato se ele mostrou coragem em situações que os outros não mostraram. Como é que ele conseguiu fazer isso nessa situação?
Investigue com o seu candidato se ele já esteve em situações onde ele não demonstrou coragem quando os outros demonstraram. Qual foi a avaliação de risco dos outros em relação ao seu candidato? O que o impediu de correr esse risco?
Incentive o seu candidato a pedir para um colega sinalizar quando ele sentir que o candidato está perdendo uma oportunidade por falta de coragem.
Copyright © TMA Method 1999-2019
TMA TMA